arranjo, tecnologia da música e percepção musical

Rodrigo Morte é compositor, arranjador, gestor cultural, produtor e educador. www.rodrigomorte.com

É graduado em música popular pela UNICAMP e mestre em música pela Universidade de Miami (EEUU).

Foi diretor da Orquestra Sinfônica Municipal de Campinas de 2013 a 2017.

Atua na elaboração de arranjos, composições e trilhas originais para concertos, musicais, filmes, espetáculos de teatro, dança e gravaçõesTeve peças encomendadas, estreadas e gravadas por grupos de câmara, big-bands e orquestras de renome no Brasil e no exterior, tais como a Orchestre National d’Île de France, Filarmônica de Bruxelas, Westchester Jazz Orchestra, Greensboro Symphonic Orchestra, SoundScape Big-Band, Orquestra Petrobras Sinfônica, Jazzmin Big Band, Orquestra Sinfônica do Recife, Orquestra Sinfônica de Minas Gerais, Orquestra do Theatro Municipal de São Paulo, entre outros.

É arranjador e colaborador da Orquestra Jazz Sinfônica de São Paulo desde 1997, tendo escrito para nomes como Rosa Passos, Dave Liebman, Maria Rita, Jane Monheit, Gal Costa, João Bosco, Dori Caymmi, Amilton Godoy, João Donato, Toninho Horta, Regina Carter, Arnaldo Antunes, Yamandú Costa, Hamilton Holanda, Lulu Santos, Ed Motta, César Camargo Mariano, Leo Gandelman, Luís Melodia, Raul de Souza, Mozar Terra, Paulo Sérgio Santos, Daniela Mercury, Ted Nash, Ben Allison, Michael Blake e o Collective Jazz Composers, Paulinho da Viola, Zimbo trio, Nestor Torres, Lenine e tantos outros.

Atua na produção musical de fonogramas, tendo colaborado, como instrumentista, arranjador, compositor ou diretor musical, em trabalhos de João Donato, Nestor Torres (Ganhador do Grammy Latino), Zimbo Trio, Orquestra Jazz Sinfônica, Lupa Santiago, Toninho Ferragutti, Carmen Monarca, Marta Ozzetti, Gogô, Sérgio Molina, Jazz Sinfônica de Diadema, SoundSacpe BigBand, Estevão Queiroga, Andrea Lafa, Daniel e Roberta Miranda, com quem, em 2008, foi indicado ao Grammy Latino com a direção musical do CD “Senhora Raiz”.

Foi coordenador editorial da editora Souza Lima, responsável pela publicação de 12 títulos com distribuição mundial, em parceria com a editora alemã Advance Music/Schott Music.